Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ophélia

Livros. Filmes. Música. Poemas.

Ophélia

Livros. Filmes. Música. Poemas.


Publicado por Patrícia Caneira

27.12.20

Sim eu sei que o ano ainda não acabou (infelizmente) mas nada me impede de começar a sonhar com um ano mais leve, mais simples e certamente com mais livros na prateleira. Dessa forma trago, de um jeito modesto, três livros que quero ler em 2021, todos por razões diferentes e alguns um bocadinho mais que outros.

A Man Called Ove.jpg

Sobre Sally Rooney já correu muita tinta não só em blogs como também um pouco por todas as redes sociais. Eu, que geralmente ignoro as coisas sobre as quais muito se fala, tal como fiz com Game of Thrones ou La Casa de Papel, tenho sentido uma atração profunda sobre o Normal People e até a série continua arrumada na gaveta porque me impus a mim mesma ler a obra primeiro. Normal People conta a história de Connell e Marianne, que cresceram na mesma cidade mas que durante a vida foram linhas paralelas que se cruzaram algumas vezes pelo caminho. O que sei é que é um livro sobre amor, desamor, amizade, angústia, solidão e medo. Sei também que não é nenhum Nobel da Literatura nem uma obra complexa que nos vem tirar o chão mas acredito (mesmo ainda sem ter lido) que é uma história simples que nos vem ensinar algo. Mais não seja a apreciar as coisas mais básicas. 

A Man Called Ove, foi dos últimos livros que ouvi falar. Emocionante é aquilo que todas as reviews têm dito e se eu sou uma pessoa que gosta de chorar acho que não existe aposta mais certa que esta. Não sei se será apenas mais uma obra feita com os ingredientes certos para apelar às emoções mas se for confesso sem vergonha que estou bem com isso, tal como estive quando O Milagre na Cela 7 se tornou viral. 

Por o último mas em primeiro nesta minha lista está o Nobel da Literatura de Olga Tokarczuk, Conduz O Teu Arado Sobre Os Ossos Dos Mortos. Encontrei este livro enquanto olhava para as promoções no site da Bertrand e não só o nome como a capa me despertaram imediatamente a atenção. Depois fui ler o resumo, "sob a máscara de policial noir ou fábula macabra, Conduz o Teu Arado Sobre os Ossos dos Mortos é um romance mordaz e desconcertante que questiona a nossa posição acerca dos direitos dos animais e responsabilidade sobre a natureza, bem como todas as ideias preconcebidas sobre a loucura, a justiça e a tradição". Achei que tudo isto só podia dar origem a uma obra daquelas que nos fica para a vida e desde aí que ando louca para o comprar, ignorando de forma inocente todos os livros que ainda tenho para ler aqui por casa. 

E desse lado, já leram alguma destas obras? Acham que valem mesmo a pena?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Patrícia Caneira 13.01.2021

    Cada vez com mais certezas de que vou gostar muito!
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Sobre mim

    foto do autor

    Ophélia está a ler

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    Em destaque no SAPO Blogs
    pub